14 passos de como montar uma loja de roupas

14 passos de como montar uma loja de roupas

Vários segmentos pesquisados pelo IBGE fecharam o ano 2017 em alta, aqui destacamos tecidos, vestuário e calçados (7,6%) segundo site agência Brasil: http://snip.ly/8p4d3a

Depois de 2015 e 2016 em queda, o comércio varejista brasileiro conseguiu reverter o quadro. As vendas em 2017 cresceram 2% em relação a 2016, segundo a Pesquisa Mensal do Comércio, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com a resposta positiva da economia, já é possível pensar em abrir um novo negócio, especialmente nos setores que se destacaram na pesquisa, como o de tecidos, vestuários e calçados, que fecharam 2017 com alta de 7,6% frente ao ano anterior. De olho nesse mercado, mostramos como abrir uma loja de roupas e aproveitar os bons ventos do segmento do varejo.

Montar uma loja é uma tarefa que requer uma atenção para que se torne um sucesso, listamos um passo-a-passo para que você faça da melhor maneira possível e obtenha sucesso, veja:

 

1. Planeje tudo antes de começar

Se você não abriu sua loja ainda e está lendo esse artigo, você está no caminho certo, caso já tenha aberto, reveja para poder corrigir, se necessário. Coletar informações e planejar as ações é essencial para despender os recursos nas ações certas logo no começo e garantir o sucesso de sua loja de roupas.

 

2. Planejamento Financeiro

Um dos grandes erros de quem começa um novo negócio é não planejar o financeiro. O dono de uma loja de roupas precisa criar uma programação de gastos e registrar todas as movimentações financeiras antes mesmo das portas estarem abertas, pois no começo, irá gastar mais do que vende. Por isso, contar com uma boa ferramenta de controle financeiro é fundamental desde o início.

Indicamos começar fazendo um Fluxo de Caixa, pois ele te dá uma visão do que está por vir e deve constar tudo o que você já gastou e pretende gastar com a loja, as previsões de vendas, os investimentos que serão feitos, enfim, deve servir como uma verdadeira ferramenta de controle para garantir a saúde do caixa e o cumprimento das metas estabelecidas em curto, médio e longo prazos.

 

3. Defina o nome da sua loja de roupas

Outro passo muito inicial é definir o nome de sua loja. Pense em um nome que faça sentido com seus produtos e seu público e cheque se já não existe o mesmo nome, uma dica legal é usar o site NameChecker, ao inserir nele o nome desejado, irá mostrar várias redes sociais e domínios que utilizam o nome que você deseja e assim você não terá problemas ao tentar criar uma conta no Instagram, por exemplo, de sua loja e não conseguir devido outra loja já ter criado, esse planejamento fará todo sentido quando for executar o item 8 desse manual.

Lembre-se esse é o nome da fachada da sua loja!

 

4. Plano de negócios

Nele, devem estar contemplados todos os tópicos que envolvem abrir e administrar uma loja.

Com ele, você diminui a insegurança na hora de montar a loja de roupas, reduz a margem de erro ao longo da jornada e aumenta as chances de sucesso da sua ideia. Nele determinamos a viabilidade do negócio e detectamos particularidades do mercado. Essa ferramenta permite que o dono do negócio tenha uma visão mais precisa do potencial daquilo que está idealizando.

O SEBRAE possui um documento bem completo sobre Como elaborar um plano de negócios, disponibilizado de forma gratuita, confira para mais informações.

 

5. Identifique seu público-alvo

Nesse mercado não faltam opções para iniciar negócios de diferentes áreas. São diversas opções de nichos e marcas e saber quem é seu público vai ajudar muito no sucesso de sua loja de roupas.

5.1- Características : Busque informações específicas:

  • Que tipo de roupas esse público costuma vestir;
  • Quais são as marcas que esse público procura e valoriza;
  • Qual o biotipo do cliente que irá vestir suas roupas;
  • Quais são suas referências em termos de vestuário;
  • Quais são seus hábitos de consumo;
  • Qual é a faixa etária;

5.2- Hábitos de consumo: Quais são as preferências e as particularidades do consumidor que se pretende atingir? Fazer promoção de qual produto? Que tipo de propaganda fazer? Analisando os hábitos de consumo de clientes de uma loja de roupas podemos aumentar as vendas em até 30% apenas com pequenas ações. Por ser uma loja nova, será preciso colocar em prática uma abrangente e detalhada pesquisa sobre os seus futuros clientes.

5.3- Ambiente da loja:

  • Ambiente bem claro ou meia luz
  • Decoração rústica ou moderna?
  • Devo ter música em minha loja? Qual música irá tocar?

 

5.4- Linguajar no atendimento: se seu publico é composto de jovens um linguajar mais informal pode cair bem e quebrar o gelo com a garotada, mas o mesmo linguajar com adultos mais maduros, pode causar o efeito contrário.

5.5- Faça benchmarking: Isso é, analisar a concorrência e as principais lojas de roupas que já atendem a esse público-alvo e fazer melhor. A História do seu concorrente e o que ele faz hoje já teve um custo de erros cometidos, analisando o que ele faz hoje evita que você cometa os mesmos erros e acelere o processo de sucesso da sua loja de roupas.

Somente conhecendo bem esses consumidores você será capaz de prever o comportamento deles e se manter um passo à frente da concorrência, antecipando as tendências que as pessoas esperam encontrar na sua loja de roupas.

 

6. Defina a localização

Onde vai ser sua loja? Pagar um aluguel super barato pode ser bom, mas estar em um ponto com pouco movimentado de pessoas pode ser um barato que sai caro. É necessário que se estude a região bem e ver se aquele ponto que você considera ser bom o seu potencial cliente passa por lá ou se você terá atrativos suficientes para seu cliente ir até lá, na dúvida, sugiro sempre o ponto que é mais acessível para seu cliente. Tem estacionamento? É próximo das casas ou do trabalho dos seus possíveis cliente?

Pense assim: Se você vende uniformes escolares o seu cliente terá mais chances de comprar em um ponto em frente a escola ou no centro da cidade(longe da escola)?.

Dependendo do seu público a localização pode causar o sucesso ou fracasso da sua loja de roupas. Analise bem!

Shopping Center

7. Análise de preços

Outro fator de sucesso ou fracasso de lojas de roupas é a formação do preço de venda. Os seus preços precisam ser justos sobre a visão do cliente e por isso a primeira medida a ser tomada é a analise dos custos de cada produto, nesse artigo, mostramos alguns itens que devem ser levados em consideração ao fazer a analise dos custos do produto. Com o custo em mãos precisamos verificar se peças simples estão com preços muito altos e se peças mais elaboradas e que agradem mais o cliente, podem dar a possibilidade de um preço maior.

 

8. Campanhas de Marketing

Sua  loja, seu atendimento, seus produtos e seus preços podem ser o melhor de todos, mas nada vai adiantar se seus cliente não souberem que você existe ou se não lembrarem de você. Campanhas de Marketing, além de dar visibilidade e divulgar, dão credibilidade à sua loja e isso com certeza ajudará no sucesso de sua loja de roupas.

As dicas são muitas, mas listarei algumas:

  • Redes sociais (Facebook, Instagram, WhatsApp): De acordo com o próprio Facebook, diariamente 62 milhoes de pessoas acessa a rede social. Instagram possui 50 milhões de usuários segundo matéria da folha de São Paulo em 2017. Se realizada corretamente, a estratégia tem um potencial muito bom, pois os custos tendem a ser mais baratos.
  • Divulgação em rádios e TV locais; O custo pode ser alto, mas dará uma visibilidade muito grande e status para a loja.
  • Participação em desfiles : Sua marca será vista com outros olhos quando participa de desfiles, pois normalmente tem muita mídia para promover o evento e sua marca irá ganha destaque junto.
  • Influenciadores: Uma prática comum a muitos anos é celebridades usarem uma marca ou produto e consequentemente várias pessoas quererem também, mas como uma loja que está começando pode fazer isso?
    Com o advento da internet existem muitos influenciadores que podem divulgar seu produto em canais de youtube ou contas no Instragram, para o Instagram existe essa ferramenta : http://snip.ly/fetwnb, está em inglês, mas basta ir até a parte do site que está assim: “Instagram Influencer Earnings Calculator” e inserir o Instagram username que você deseja analisar e verificar os resultados de engajamento e custos por postagem. Muitos influenciadores divulgam produtos que ganham de lojas, então dê de brinde produtos para eles que os mesmos divulgarão para você, mas sempre busque analisar o retorno obtido com cada influenciador e combine antes com ele.

 

Divulgue! Assim, você pode ter um alcance maior de pessoas e atrair mais clientela para a sua loja!

 

9. Comprar corretamente

A compra está atrelada ao estoque e as vendas, se você não tem informações sobre os dois sua compra estará suscetível a ser uma compra errada. Comprar produtos que não vendem ou não comprar produtos que vendem muito são erros que comprometem seu capital de giro e podem quebrar sua loja de roupas. Então, antes de comprar verifique a real necessidade baseado em dados e não em achismo para não errar.

Pesquise preços, tanto para quem produz, quanto para quem revende. pesquisar preços é necessário para ter maiores lucros ou ganhar da concorrência.

 

10. Controle de estoques

Uma das diretrizes mais importantes do comércio varejista é o controle de estoque e para lojas de roupas não poderia ser diferente. Qualquer falha nesta etapa pode comprometer vários processos da loja, como reabastecimento de estoque, a verificação se sumiu alguma mercadoria e a própria venda em si, pois para satisfazer a necessidade de um cliente por um produto especifico, basta olhar no controle de estoque para verificar se você possuí estoque do mesmo, e se não estiver sendo realizado corretamente, o controle de estoque, terá que sair procurando o produto manualmente pela loja. Visto isso, é fundamental que a sua loja preste bastante atenção nessa área e invista na boa qualidade do seu controle de estoque.

O que fazer?: Primeiro, evite erros mais comuns, como um estoque desabastecido ou desorganizado, saiba onde cada produto está e verifique constantemente se aqueles produtos que sempre vendem, necessitam ser comprados novamente.

Outra questão é a realização do inventário do estoque, muito conhecido como balanço, é necessário que seja feito constantemente, afinal, ele que irá checar se o que você tem registrado é o que realmente existe fisicamente.

Por último, saiba que sem saber o que se tem, não é possível avaliar o que falta, tampouco prever estratégias efetivas de vendas, por exemplo. Existem vários meios de fazer o controle de estoque, o importante é que as informações necessárias sejam obtidas. Uma dica interessante é procurar por soluções que integrem o controle do caixa, a produção e o fiscal com o estoque, simplificando ainda mais o processo de gestão do que entra e sai da loja.

 

11. Crie uma experiência de compra única

Comprar roupa é uma experiência delicada.

  • Alguma vez você já achou que a vendedora estava te elogiando apenas para vender?
  • Ou que não estava te dando importância por achar que você não vai comprar?
  • Ou ainda fazer um comentário sobre seu peso ou tamanho que você não gostou?

Muitas são as situações negativas, mas evitar essas situações e buscar sempre a satisfação do cliente pode causar uma ótima impressão para seu cliente e dar prazer ao fazer as compras.

Lembre-se, cliente feliz é cliente fiel! Então esteja sempre sorrindo e disposto a ajudar, não demonstre falta de vontade ao buscar uma peça no estoque ou na hora de desdobrar as roupas para mostrar aos seus clientes, deixe claro que isso não é problema algum.

Tome cuidado para não incomodar o cliente. Às vezes a vontade é de ajudar, mas ficar atrás do cliente sem dar espaço para que ele olhe sozinho muitas vezes acaba fazendo com ele saia da loja sem nem mesmo olhar tudo o que queria, apenas por estar se sentindo desconfortável.

Cabe a você ser o melhor vendedor possível para seus clientes e servir de exemplo. Afinal, sem vendas, loja nenhuma sobrevive.

 

12. Fidelize seus clientes

Fidelização de cliente é importantíssimo, isso gera economia para aquisição de clientes.

Pense assim, uma vez que se torna cliente, sempre será cliente se você o fidelizar. Um gasto de marketing e propaganda gasto para um cliente conhecer sua empresa será muito melhor empregado se seu cliente estiver fidelizado.Então invista na fidelização dos clientes desde a abertura do negócio, pois investir na satisfação deles é uma das formas de trazer os melhores e mais duradouros resultados.

Investir na organização das informações dos consumidores, como suas preferências, formas de pagamentos mais utilizadas e até o dia do aniversário, são itens necessários para conseguir desenvolver estratégias que façam o cliente lembrar de sua marca, voltar a comprar e, ainda, indicar sua loja para outras pessoas.

 

13. Contrate um contador

Infelizmente a burocracia é inevitável e o contador é um grande aliado para cuidar disso. É comum escritórios de contabilidade que atendem várias pequenas empresas. Use os como consultores para retirar dúvidas contábeis e como um aliado para o sucesso do seu negócio.

Pense em como abrir sua empresa, se o faturamento inicial for até R$ 81.000,00 conforme o site da Receita da Fazenda, você poderá formalizar sua empresa se enquadrando na categoria de Micro Empreendedor Individual (MEI) que permite até um funcionário.

Aliás, essa atividade de venda de roupas é a que tem o maior número de formalização através do MEI.

O próximo nível é o SIMPLES NACIONAL, que enquadra a empresa como ME e o teto máximo de faturamento é de R$ 360.000,00. Esse enquadramento é muito comum para lojas de roupas também.

Para saber mais acesse: http://snip.ly/8d8pmz ou ao contratar um contador o mesmo irá te informar. Contrate um contador.

 

14. Automatize os processos

No começo de qualquer negócio é quando temos a maior quantidade de tarefas a realizar e pouca receita, por isso acabamos deixando de fazer processos por não ter mão de obra para realiza-los. Planilhas as vezes resolvem para fazer alguns controles, mas a medida que o negócio vai crescendo o processo não fica automatizado e acaba atrapalhando o crescimento da empresa. Pense em desde o início já implementar um software que se encaixa no orçamento e que continuará atender quando as operações da loja expandir. Solicite uma demonstração do software gerente PDV e veja que é possível iniciar uma loja de roupas com as ferramentas certas.

 

 

Conclusão

Como você pode ver, montar uma loja de roupas exige um pouco mais do que vontade, certo? Porém, seguindo esses passos desde o começo é possível realizar seus desejos e garantir um futuro sem pesadelos.

Se desejar mais alguma ajuda pode contar com a INNET Soluções, nossos consultores são especializados em lojas de roupas e terão o prazer de ajudar. Basta solicitar a consultoria gratuita!

 

 

 

Formado pela Pitágoras Linhares em Bacharel de Sistemas de Informação, MBA em Gestão de Projetos, Empreteco, diretor da regional norte da SINDINFO, Proprietário da INNET Soluções, Professor universitário e desenvolvedor de softwares Windows, mobile e web. Mais de 16 anos de experiência ajudando empresas a melhorarem seus processos.

Sem cometários

Poste um comentário

Comentário
Nome
Email
Website