Supermercados do futuro: conheça algumas tendências de tecnologia

Supermercados do futuro: conheça algumas tendências de tecnologia

Supermercados do futuro: conheça algumas tendências de tecnologia

O mundo passa por um tremendo momento de transformação digital. Tudo vem avançando muito rapidamente e, por isso, as pessoas esperam por coisas incríveis para os próximos anos. Por exemplo, como serão os supermercados do futuro?

É fato que os supermercados são parte essencial da nossa vida. Para se ter uma ideia, para praticamente metade dos brasileiros o gasto no mercado é o maior do seu mês.

Por isso, o segmento de mercados e compras de suprimentos deverá sofrer grandes alterações nos próximos anos. Mas quais as principais tendências para os supermercados do futuro? Vejamos abaixo!

Supermercados do futuro não terão caixas para os clientes

Você provavelmente já ouviu falar no Amazon Go Grocery. É um protótipo de supermercado da Amazon que não tem caixa para os clientes. Exatamente: você entra, pega os produtos e simplesmente sai, sem precisar pagar no caixa.

O pagamento é feito via cartão de crédito registrado no aplicativo da Amazon. Já o cálculo do preço é feito por sensores ultra precisos que estão nas prateleiras e nos cestos de compras. Basicamente, é possível detectar o que está no seu cesto com isso, considerando o peso e a filmagem das câmeras. Então, automaticamente, os produtos são adicionados em um carrinho digital e a compra é finalizada sem que a pessoa precise passar em um caixa.

Isso significa que o supermercado do seu bairro terá essa tecnologia no ano que vem? Claro que não, mas mostra uma tendência significativa para o futuro: cada vez menos tempo nos mercados.

Basicamente, a ideia da Amazon é patentear o modelo de mercado sem caixa e vendê-lo para todos os outros mercados que encontrar, assim que a tecnologia ficar acessível o suficiente.

Para os consumidores, significará menos tempo para fazer as compras, além de mais comodidade. Para as empresas, maior produção de dados de consumo, o que levará a novas estratégias de marketing.

Enquanto isso não chega, começaremos a ver vários supermercados do presente com caixas de autoatendimento, uma vez que é a maneira mais próxima de termos essa tendência.

Menos compras presenciais é outra tendência do futuro

Os supermercados do futuro serão espaços cada vez menos visitados pelos consumidores graças aos aplicativos de delivery. Apps como o Rappi Supermercados, por exemplo, permitirão que os consumidores possam simplesmente fazer as compras pelo celular e depois recebê-las em casa.

Na verdade, eles já permitem isso. O que acontecerá nos próximos anos é a integração em massa desse sistema com praticamente todos os mercados.

Os estabelecimentos terão equipes focadas apenas em separar produtos e entregar para os profissionais dos apps, que levarão até as casas dos clientes. Na verdade, alguns apps provavelmente oferecerão o serviço para que os entregadores guardem os produtos no armário.

Na Amazon nos EUA, por exemplo, já existe a tecnologia que permite que o entregador deixe o produto dentro de casa. Isso porque existem muitos “piratas de varanda”, que são pessoas que rodam bairros em busca de encomendas deixadas na varanda das casas para poder roubá-las.

Por causa disso, a Amazon criou uma tecnologia com câmera que permite que o entregador desbloqueie a casa dos clientes e entre para deixar a encomenda na porta, do lado de dentro. A câmera filma tudo e garante a segurança.

É possível que alguns mercados ofereçam tecnologias parecidas nos próximos anos.

Uso de Inteligência Artificial no armazenamento

Nem todas as tendências dos supermercados do futuro afetarão diretamente os usuários. Algumas serão apenas internas, como o uso de Inteligência Artificial no armazenamento.

Atualmente, boa parte dos produtos de um mercado é desperdiçada por causa de problemas no armazenamento. No entanto, algumas empresas dão exemplo de como aproveitar os produtos sem problemas.

Um exemplo é (novamente) a Amazon. A empresa tem um sistema de logística comandado por inteligência artificial que garante melhor aproveitamento dos produtos e menor tempo de logística, o que será extremamente útil para os mercados.

Mapas de calor gerarão dados de organização

Por fim, uma tecnologia muito poderosa que será utilizada em breve pelos supermercados do futuro é a análise de mapas de calor. Basicamente, sensores vão medir a movimentação dos usuários pelo mercado e notarão padrões específicos.

Por exemplo, qual é o caminho que as pessoas fazem dentro da loja? Onde elas param para olhar? Onde ficam mais tempo ou menos tempo?

Esses dados serão trabalhados por analistas especializados no assunto, que então usarão as informações para tirar melhor proveito disso. Talvez aproximem certos produtos, talvez coloquem os promotores de marcas em lugares estratégicos. Seja como for, é fato que a organização interna dos mercados sofrerá bastante alteração e ficará otimizada nos próximos anos.

E aí, gostou de aprender mais sobre os supermercados do futuro? Tecnologias como Big Data, sensores, Internet 5G e Inteligência Artificial farão as compras dos próximos anos mais eficazes. Será que a experiência será muito diferente?

Comente abaixo com a sua opinião sobre os mercados do futuro!